LINHA DO TEMPO
13/11/2014

Que Rio Queremos?

Selecionado pelo Conselho Federal Gestor do Fundo de Defesa de Direitos Difusos (CFDD), do Ministério da Justiça, como um dos 36 projetos prioritários para o ano de 2014, o Projeto Revitalização dos Rios de Erechim, realizado pela Eloverde, chega a segunda etapa com uma importante pergunta para a sociedade: “Que rio queremos?”. Embora a resposta pareça simples, ela nos leva a refletir sobre o que estamos fazendo para que possamos ter de volta um local livre de poluição e protegido das agressões resultantes da falta preocupação com o meio ambiente.

Em 2010, o projeto Revitalização dos Rios de Erechim- etapa 1 foi premiado pelo Ministério do Meio Ambiente /Secretaria Recursos Hídricos e Ambiente Urbano por Práticas Inovadoras em Revitalização de Bacias Hidrográficas. O trabalho também recebeu o prêmio ANA 2012, assim como o Troféu Castelinho do Poder Legislativo de Erechim pelo destaque a nível federal.

No período em que foi realizado, mais de 64 toneladas de resíduos foram retiradas dos rios Tigre, Suzana e Dourado, em 19 ações, onde cerca de 140 voluntários treinados participaram. Ao todo, mais de 1,4 mil horas de trabalho foram dedicadas à limpeza dos três rios.

Agora, todas as atenções e esforços se voltam para a missão de revitalizar o Rio Tigre.  Além das atividades de educação ambiental com limpeza, realizadas com grupos pré-agendados, a segunda etapa do Revitalização contemplará o plantio de mudas de árvores nativas e cursos em Gestão e Educação Ambiental.

Além das limpezas, cursos, instalação e monitoramento de redes, a Eloverde promoverá e realizará o plantio de mudas nativas na área crítica do arroio Tigre. Pontos localizados, em bairros por onde o rio passa, também receberão ações do Projeto.

Período de realização do projeto: Ago/2014 – Jul/2015

______________________________________________

Plantio:

A pedido da direção da Escola Caic Cristo Rei, de Erechim, cerca de 500 mudas nativas já foram plantadas por 40 acadêmicos da Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS) e alunos da escola, em parceria com a Eloverde. A atividade foi motivada por um projeto de arborização escolar desenvolvido por professores que participaram do Curso em Gestão e Educação Ambiental com Práticas Pedagógicas, oferecido pela Eloverde. Além da atividade na escola localizada no bairro Cristo Rei, 100 mudas nativas foram plantadas no Centro de Artes e Esportes Unificado (CEU). 

No bairro Atlântico, um dos mais populosos de Erechim, aproximadamente 500 mudas de árvores nativas, como sete – capotes, guajuviras, pitangas, araçás, canelas guaicá, entre outras, foram plantadas por mais de cem estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental Luiz Badalotti. A atividade concentrou-se nas proximidades de um efluente do Rio Tigre, em uma Área de Preservação Permanente (APP), do Lajeado Banhado. (Atividades realizadas nos dias 10/25/29 de Outubro e 08 de Novembro.)

______________________________________________

Limpeza:

Não há quem não se comova com a situação do Rio Tigre, principalmente ao chegar em um dos pontos críticos. Um grupo de voluntários formado por estudantes da Unopar e a equipe da Eloverde dedicou-se a retirar o maior volume possível, de resíduos que poluem o ponto quatro – um dos mais castigados pela ação humana. O grupo foi formado após a realização de oito oficinas, oferecidas pela Eloverde, com os temas: “Realidade das águas” e “Resíduos sólidos de Erechim”.

Foram dois dias de atividade de limpeza, eles conseguiram remover cerca de três mil quilos de materiais como garrafas pet, cadeiras, tapetes, roupas, bicicletas, pneus e até mesmo brinquedos. Uma escada encontrada dentro do próprio rio foi utilizada como acesso a uma “ilha de lixo”, formada por toneladas de camadas de objetos descartados no Rio Tigre, que agarraram-se às árvores caídas no local. (Atividades realizadas nos dias 25 de Outubro e  01 de Novembro)

______________________________________________

Curso:

Com intensa participação dos estudantes da Unopar, teve início uma nova edição do Curso em Gestão e Educação Ambiental, promovido pela Eloverde, de Erechim. O grupo, formando por acadêmicos das mais diversas áreas de formação, dedicou o sábado a adquirir o conhecimento necessário para o desenvolvimento de projetos sustentáveis. (Curso realizado nos dias 01 e 08 de Novembro)

Linha Tempo